sexta-feira, 8 de janeiro de 2016

SÉRIE STRIPPED

   livro 1- Stripped



Grey é uma garota recatada e inocente de uma cidade na Georgia, filha de um rígido pastor de uma grande igreja batista e de uma doce e compreensível mãe. Seu pai a mantém sob rédeas curtíssimas, mantendo-a longe de tudo que, sob seu ponto de vista, seja pecaminoso. Sua mãe é tudo para ela, é quem a ama incondicionalmente, quem a compreende, quem a leva as escondidas às aulas de dança e quem intercede por ela quando seu pai é mais que intransigente.

Até que Grey se vê sozinha, sem a aceitação de seu pai sobre a faculdade que deseja cursar e mudando-se para a grande e impiedosa Los Angeles.

Dawson é uma estrela de Hollywood, ator de muitos filmes famosos e considerado o homem mais sexy vivo pela revista People. Ele pode ter a mulher que desejar com um estalar de dedos, até que, um dia, aparece no clube que Grey trabalha, a vê dançar, prontamente percebe que ela não se encaixa naquele mundo sujo e degradante, e a quer. Muito. Desesperadamente. Com todas as suas forças. Mas será que aquela garota inocente sucumbirá ao seu desejo de protegê-la? Será que ele derrubará os altos muros que a cercam?

   livro 2- Trashed


Eu não sou ninguém. Sou uma órfã. Uma catadora de lixo. Uma universitária. Uma virgem.

E ele? É um Deus. Uma das estrelas de ação mais quentes de todos os tempos, enorme, musculoso, lindo e famoso. Ele poderia ter qualquer uma no mundo.

No entanto, apesar do abismo que separa os nossos mundos, estou em seu quarto de hotel, e ele age como se eu fosse à garota mais bonita do mundo. Eu não sou. Ele é tudo que qualquer mulher poderia querer, e eu sou apenas... eu.

Ela não sabe como é sexy. Sua beleza é natural. Mas de verdade, ela é linda. Conheci algumas das mulheres mais quentes de Hollywood, e nenhuma delas pode se comparar a esta menina. Eu a quero, e o fato de dela estar fechada e impossível de se abrir, só faz a busca muito mais interessante.

A última coisa que espero é uma noite de prazer para transformar em algo que sou incapaz de esquecer, mesmo depois que ela toma o seu caminho e eu o meu. Não consigo esquecê-la, não importa o quanto tente. Da próxima vez que a encontrar, não há nenhuma maneira que eu possa deixá-la partir novamente. Não importa o que aconteça.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

COMENTEM FRIENDS

Seja Bem Vind@.
{Cena do filme Conquista Sangrenta, com Rutger Hauer e Jennifer J. Leigh}