terça-feira, 20 de setembro de 2016

BLYDON

   1 - Esplêndido

Emma Dunster é uma herdeira americana divertida e independente, que ambiciona dirigir a companhia de navios que seu pai possui.

Para não desgostar seu pai aceitou viajar a Londres e ficar na casa de seus tios e primos dos quais se encarregariam de apresentá-la na temporada londrina. Quão último deseja Emma é casar-se, isso implicaria perder sua independência e suas possibilidades de comandar o negócio familiar.
Assim planeja desfrutar de sua temporada rejeitando educadamente a todos os pretendentes que se animem a cortejá-la.
Uma aventura motivada pelo aborrecimento levará Emma, disfarçada de criada, a salvar um menino de ser atropelado por uma carruagem.
O menino resulta ser o sobrinho de Alexander Ridgely, duque de Ashbourne, que não duvida em atender a esta atraente criada que perdeu a memória após salvar ao menino.
Preocupado com ela, uma vez que a deixa a salvo na casa dos Blydon, para quem a criada afirma trabalhar, não pode evitar ir à festa que se celebra essa noite na casa dos Blydon para comprovar que ela está bem.
Qual não é sua surpresa quando descobre que essa suposta criada, é em realidade a prima americana dos Blydon, Emma!

   2 - Dançando ao anoitecer


Lady Arabella Blydon, Belle, está passando uns dias com seus primos, os duques de Ahsbourne, quando tropeça com o John Blackwood, um veterano da guerra contra Napoleão, proprietário das terras vizinhas.

Belle está acostumada a impressionar e seduzir aos homens com sua beleza e, também, a espantá-los com seu caráter forte e decidido.
Entretanto, John a recusa com brutalidade desde o começo.
Naturalmente, isso não faz outra coisa a não ser despertar o interesse da jovem.
A guerra deixou em John feridas físicas, mas também uma profunda ferida em seu espírito que Belle está disposta a descobrir.
O baile furtivo à luz da lua pode ser o princípio do remédio para que um espírito atormentado se abra por fim ao amor.




   3 - Atrevida

É necessário uma moça atrevida pra tentar um sedutor. 

Bonita e resoluta Henrietta Barrett nunca seguiu os ditames da sociedade.

Ela administra a propriedade de seu idoso tutor, prefere usar calças em vez de vestidos, e responde pelo nome improvável de Henry.
Mas quando seu tutor morre, sua amada casa cai nas mãos de um primo distante.

E é necessário um sedutor para domá-la William Dunford, o solteiro mais esquivo de Londres, fica chocado ao saber que herdou uma propriedade, um título... e uma pupila que está empenhada que sua primeira visita seja a última.
Henry está decidida a continuar cuidando da propriedade da Cornualha sem a ajuda do atraente novo lorde.
Mas Dunford é precisamente o homem que pode mudar as coisas...
Começando com sua e selvagem pupila.
Mas transformar Henry em uma dama faz com que ela não seja apenas a queridinha da alta sociedade, mas uma atração irresistível para um homem que achava que nunca poderia ser tentado.

   4 - História de duas irmãs







O irascível Ned Blydon, protagonista desta história, está comprometido com uma das irmãs Thornton e apaixonado pela outra...

Uma história tenra, sensual e cheia de humor, de uma das autoras mais populares do gênero romântico histórico.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

COMENTEM FRIENDS



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Seja Bem Vind@.
{Cena do filme Conquista Sangrenta, com Rutger Hauer e Jennifer J. Leigh}