terça-feira, 13 de setembro de 2016

DIRTY OFFICE

   1 - Bossman

A primeira vez que encontrei Chase Parker, não causei exatamente uma boa impressão. Estava me escondendo no corredor do banheiro de um restaurante, deixando uma mensagem para a minha melhor amiga me salvar do meu encontro horrível.

Ele ouviu e disse que eu era uma cadela, então começou a me oferecer alguns conselhos de namoro. Então disse-lhe para se preocupar com seu próprio maldito negócio, seu próprio, lindo, cheio de si maldito negócio e voltei para o meu encontro miserável.

Quando ele passou pela minha mesa, sorriu e eu vi sua arrogante, sexy bunda caminhar de volta para o seu encontro. Não poderia ajudar, mas esguei olhares ocultos para o idiota condescendente do outro lado da sala. Claro, ele me pegou em mais de uma ocasião, e piscou.

Quando o estranho lindo e seu encontro igualmente quente de repente apareceram na nossa mesa, pensei que ele iria me dedurar. Mas em vez disso, ele fingiu que nos conhecíamos e se juntou a nós, contando elaboradas, histórias embaraçosas sobre a nossa falsa infância.

Meu encontro de repente foi de chato a bizarramente emocionante. Quando acabou e nos separamos, pensei sobre ele mais do que jamais iria admitir, embora soubesse que nunca o veria novamente.

Quer dizer, quais eram as chances de eu esbarrar com ele novamente numa cidade com oito milhões de pessoas? Então de novo... Quais eram as chances de um mês depois ele acabar sendo meu novo chefe sexy?

Nenhum comentário:

Postar um comentário

COMENTEM FRIENDS



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Seja Bem Vind@.
{Cena do filme Conquista Sangrenta, com Rutger Hauer e Jennifer J. Leigh}