domingo, 18 de setembro de 2016

SÉRIE SWEET HOME

   livro 1- Sweet Home 

Com vinte anos, Molly Shakespeare já sabia muito. Ela conhecia Descartes e Kant.
Ela conhecia a Universidade de Oxford como a palma da mão. Ela sabia que aqueles que a amavam podiam abandoná-la. Ela sabia se virar sozinha. Mas quando Molly deixa o céu cinzento da Inglaterra para trás e começa uma nova vida na Universidade do Alabama, descobre que ainda tem muito a aprender, não sabia que um verão poderia ser tão quente, não sabia que os estudantes podiam ser tão intimidantes e certamente não sabia o quanto as pessoas do Alabama gostavam de futebol americano.
Um encontro casual com o notório Quarterback , Romeo Prince, a deixa incapaz de pensar em qualquer coisa além dos seus olhos chocolate, cabelos loiros escuros, e físico perfeito, Molly logo se dá conta que sua vida tranquila e solitária está a ponto de mudar, dramaticamente, para sempre.



By Gabriela Oliveira

"Hoje vou falar sobre o primeiro livro da série Sweet Home, ele conta a história de amor de Molly Shakespeare, uma estudante muito inteligente, que perdeu os pais cedo e é sozinha, e o quarterback Romeo Prince, apesar de ser muito festeiro, ele é muito conturbado, pois os pais além de controlar a vida dele, são muito abusivos. Primeiramente, quero falar que amo essas histórias clichês, onde o playboy jogador de futebol se apaixona pela mocinha calma, inteligente e sem auto estima, eu adoro principalmente a parte que esses playboys caem no amor pelas mocinhas.


Esse livro é muito bom, a atração entre os personagens é muito contagiante, uma cena do livro que marcou foi o primeiro beijo, o quarterback além de ter feito voarem faíscas entre os dois, se mostrou muito possessivo, e a mocinha meio que não sabia quem estava beijando-a... rsrsrs Depois disso teve aquela demora da parte da mocinha, para ela entregar a sua virgindade para o namorado, mas depois que entregou também... haja tempo para fazer outras coisas rsrsrs.


O amor entre eles vai crescendo  cada dia mais, e ela apoia muito ele, pois os pais dele faz ele sofrer muito, e ela sofre também com a rejeição deles, e como toda história tem que ter aquela garota que enche o saco e quer muito o amor do playboy, nessa história a Shelly conquistou minha raiva, ela é muito maldosa e se faz de santa, além de achar que é melhor que todos. Romeo cansou de dar fora nela, mas ela não desistiu até algo mais grave acontecer.


Ai vem aquela parte do livro, que quando tudo está bom algo de muito ruim acontece, eles descobrem algo que os deixa muito felizes, mas ai percebemos até onde vai a maldade da mãe alcoólatra de Romeo, essa mulher fez um inferno na vida dos dois, e ela não se arrepende de jeito nenhum de suas atitudes maldosas, e ela vai muito longe. Romeo e Molly enfrentam uma perda difícil, eu me emocionei muito nessa parte, pois eles sofrem demais, e ai a relação deles é abalada. Nessa parte eu fiquei com um pouco de raiva da Molly, ela foi um pouco burra e tive dó de Romeo, mas ela foi mulher suficiente para ver que errou.


Para finalizar, digo que eu gostei bastante do livro, mas achei ele um pouco clichê, no entanto a superação dos personagens é muito linda de se ver, e acho que isso dá um diferencial ao livro. A história é muito envolvente, tem várias cenas quentes, mas a autora soube trabalhar bem nelas para não ficarem depravadas. Ele não entrou na lista dos livros que AMEI, sinto que faltou algo e não sei dizer o que realmente faltou, mas ele entrou na lista dos queridinhos, pois tem uma leitura gostosa."

   livro 1.5- Sweet Home 


Você conheceu o príncipe Romeo no best-seller Sweet Home. Agora, saberemos da história contada por ele: nada de portas trancadas, sem censura e em carne viva até o fim.
“Me dá vontade de rir quando ouço alguém dizer que Molly e eu nos precipitamos, que não podíamos sentir um sentimento tão forte um pelo outro em um espaço de tempo tão curto. E eu digo, como diabos podem saber? O sentimento é real, não? Ela se tornara toda minha vida, verdade? E quanto a minha idade não sendo verdadeira, era verdade?

Me diziam isso, aos dez, onze, doze anos, maldição, por toda a minha desgraçada vida, quando eu não era bom o suficiente, quando me batiam até sangrar por ser muito bom no futebol e não ser tudo o que eles tinham sonhado: o filho obediente e perfeito. Diga aos milhares de meninos do mundo cada vez que se lamentarem por ter pais idiotas, por qualquer razão estúpida; diga a eles que o mal não existe em seus olhos.
A merda de Romeo e Julieta. Esta é a história da minha garota e minha, saindo de meus lábios. Sem sentimentos suaves, sem enjoos, só a verdade simples e dura, e, porque me sinto generoso, vou deixar que conheçam mais de nossa história.

   livro 2- Sweet Home 



Todos temos segredos

Segredos bem enterrados.

Até que encontramos a alma que faz o peso desses segredos um pouco mais fácil de suportar.
Lexington "Lexi" Hart está em seu último ano na Universidade de Alabama. Rodeada de suas melhores amigas, sua família carinhosa, e tendo realizado o sonho de toda sua vida de estar na equipe de animadoras de torcida dos Crimson Tide, tudo caminha exatamente como ela sempre sonhou. Mas debaixo de sua fachada de felicidade, os demônios a espreitam, ameaçando tudo o que ela tanto se esforçou para ter. Quando os acontecimentos de sua vida se tornam terríveis demais para enfrentar, Lexi se encontra cara a cara com seu maior medo. Lexi se apaixona profundamente, vítima, mais uma vez, da única coisa que pode destruí-la e, no caminho, se vê nas perigosas mãos de um homem tatuado que anda do lado equivocado das vias.
Austin Carillo, receptor estrela do Alabama Crimson Tide, deve ser escolhido no draft da NFL deste ano. Precisa disso. Seus irmãos precisam. Mais importante ainda, sua mãe precisa desesperadamente. Criado em um mundo onde os pobres são esquecidos, os doentes são deixados por conta própria e onde nenhum herói aparece milagrosamente para tirá-lo do inferno, Austin não tinha outra opção alem de ganhar a vida no lado errado da lei, até que o futebol ofereceu a Austin o bastante para leva-lo ao caminho certo. Mas quando uma tragédia familiar o coloca novamente nas garras da gangue podre que ele acreditava ter deixado para trás, Austin se encontra caindo de novo no caminho dos delitos e se envolvendo na escuridão sufocante. Até que um espírito cheio de conflitos tropeça em seu caminho.

Austin rapidamente descobre que está se apaixonando por uma moça, uma moça que simplesmente poderia ter o poder para salvá-lo de seu pior inimigo: ele mesmo.
Duas almas opostas poderiam encontrar uma paz duradoura se permanecerem juntas? Ou sucumbirão aos demônios que ameaçam destruí-los?

   livro 3- Sweet Hope



Meu nome é Ally Prince e sempre tive má sorte no amor. Não sei por que, só... sempre a tenho.
Quando todos meus melhores amigos estavam se apaixonando por suas almas gêmeas na universidade, fiquei para trás. Eu era Ally, a prima bonita do quarterback e estrela do time, Romeo Prince. Era Ally, a melhor amiga do mais incrível grupo de garotas que existe, um título que eu adorava, mas um do qual me cansei de "só" ser. E era Ally, aquela da qual todos podiam contar.
Mas para mim, era Ally, a garota com o coração que ninguém tinha reclamado... E era, Ally, a garota, que por baixo de tudo, estava dolorosamente sozinha.
AMO o amor; o pensamento dele, a excitação nervosa de se apaixonar pelo Sr. Perfeito, o desejo de alguém se tornando todo meu mundo... de um eu transformando-se em sua. Sempre quis um romance apaixonado, vertiginoso, épico, que mudasse minha vida... sempre quis o conto de fadas... eu sempre adorei isso.
Simplesmente parecia que nunca conseguiria.
Nos últimos anos, tenho focado em minha carreira como curadora de museu. Sou a melhor das melhores, a pessoa que cada museu quer contratar, então quando surgiu uma oportunidade de me mudar para Seattle, não deixei passar. Meu primo e minha melhor amiga viviam em Seattle e eu precisava de uma mudança.
Precisava de um novo começo.
Não esperava conhecer ninguém na Cidade Esmeralda . Não esperava trabalhar diretamente com o novo escultor solitário que era o foco de um projeto de suma importância da minha galeria. E certamente não esperava me apaixonar por ele..., com um amor épico, vertiginoso e que muda sua vida.
Meu verdadeiro conto de fadas tornado realidade.
Mas, como em todos os contos de fadas, há um vilão, uma alma escura e torturada... simplesmente não tinha nem idéia de que o vilão e o herói em minha história acabaria sendo o mesmo.

   livro 4- Sweet Soul 

Uma tímida alma perdida. Um silencioso coração solitário. Um amor para salvar os dois.

A vida nunca foi fácil para o rapaz de vinte anos, Levi Carillo. O mais jovem dos meninos Carillo, Levi não é nada como seus irmãos mais velhos. Ele não é escuro na aparência ou intimidante para todos que encontra. Na verdade, ele é completamente o oposto. Assombrado por uma timidez paralisante e os trágicos acontecimentos de seu passado, Levi passa seus dias com a cabeça enterrada em seus livros, ou treinando duro com a sua equipe de futebol da faculdade. Tímido demais para falar com as meninas, Levi fica tão longe quanto possível e completamente sozinho... até que salva a vida de uma linda loira perturbada - uma linda loira perturbada que só poderia ser uma exceção à sua regra.

Elsie Hall é desabrigada. Ou, pelo menos, isso é tudo que qualquer um vê. Todo dia é uma luta pela sobrevivência nas ruas frias de Seattle; todos os dias uma luta para encontrar alimentos e se manter aquecida. Sozinha na vida — uma vida que é perigosa e cruel — sua vontade de continuar é uma batalha que cada vez mais está perdendo. Em seu mundo de silêncio, Elsie já desistiu de ter esperança que sua vida irá conter algo além de luta e dor constantes... até que o menino bonito que ela severamente prejudicou vem em seu socorro, precisamente no momento certo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

COMENTEM FRIENDS



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Seja Bem Vind@.
{Cena do filme Conquista Sangrenta, com Rutger Hauer e Jennifer J. Leigh}